QUANTO VOU GASTAR COM A CEIA DE NATAL?

Publicar foto de projeto arquitetônico sem autorização causa dano moral.
4 de dezembro de 2017
TRABALHADOR INFORMAL: VOCÊ SABE QUAIS OS RISCOS DE NÃO TER UM CNPJ?
15 de dezembro de 2017
Exibir tudo

SAIBA QUANTO VOCÊ PAGA DE TRIBUTOS EM CADA ITEM DA CEIA DE NATAL.

Apesar do esforço de algumas famílias em pesquisar preços para economizar, não dá para escapar dos altos índices de impostos nos produtos mais comercializados nesta época do ano.

Os alimentos ficaram mais caros e pressionaram a inflação ao consumidor neste ano, segundo índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), informado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

 

Impostos dos alimentos

A alimentação foi o grupo que teve o maior aumento, sob influência de itens como hortaliças e legumes, que saiu de -11,70% para 4,37% no período de outubro de 2017.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC-M) teve alta de 0,24% na leitura de outubro, após a deflação de 0,10% na segunda prévia de setembro.

Além disso, os tributos que compõem a ceia de Natal podem ultrapassar 57%, pela incidência de ICMS, PIS, COFINS e IPI, tributos que estão entre os mais altos do mundo.

 

Itens da ceia de Natal

O espumante nacional tem impostos de 57,90%, o peru, chester ou pernil ficam com 25,41% de imposto, e o panetone possui em seu valor 21,25% de tributos.

Além disso, artigos de decoração possuem alíquotas maiores do que os alimentos, já que os brasileiros pagam 47,25% de imposto nos enfeites de Natal e 47,25% nas luzes e árvores de Natal.

Para saber o preço de cada produto e o que você paga em impostos, acesse a lista completa aqui.

Márcia Luz
Márcia Luz
Advogada Especialista em Direito Tributário pelo Instituto Brasileiro de Estudos Tributários – IBET/SC. Especialista em Planejamento Tributário pela Fundação Getúlio Vargas - FGV. Graduada em Direito pela Universidade do Sul de Santa Catarina - UNISUL.

Os comentários estão encerrados.

Contato