EMPRESA PODE SER CONDENADA A RESTITUIR INSS CASO NÃO TOME OS DEVIDOS CUIDADOS

CORONAVÍRUS: Meu plano é obrigado a fornecer o exame?
22 de maio de 2020
Validade das certidões negativas ou com efeitos de negativa prorrogada por mais 90 dias
25 de maio de 2020
Exibir tudo

Caso o funcionário venha a contrair o coronavírus em detrimento do trabalho, desenvolva a covid-19 e necessite de auxílio doença pago pelo INSS, é legítimo que a qualquer momento, havendo indícios de responsabilidade do empregador, isto é, omissão, negligência ou imprudência, o INSS cobre judicialmente os valores pagos ao segurado/empregado, por meio de uma ação de regresso.
Deste modo o empregador precisa adotar as medidas de proteção e documentar essas medidas, para evitar o contágio dos colaboradores, bem como ter subsídios de defesa numa possível ação futura.
#coronavírus #pandemia #auxílio #doença #trabalho #INSS #covid19 #advogado #previdenciário #direito #leis #Bolsonaro #gouvêa #reis #jill #becker #marco #vendramel

Gouvêa dos Reis - Advogados
Gouvêa dos Reis - Advogados
A Rede Gouvêa dos Reis Advogados objetiva proporcionar segurança e soluções a seus clientes, desde 1967.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Contato